• Hildebrando Couto Santos

Assumindo a autoridade do seu processo de liderança

O que significa na prática desenvolver o auto-conhecimento quando falamos em aprimorar o trabalho da liderança? Ou melhor, o que significa autoconhecimento e despertar pessoal no trabalho de liderança?


Assumindo a autoridade do seu processo de liderança


Todos nós estamos vivendo vários lados emocionais e sentimentais, que queira ou não estão se manifestando em todos os momentos da nossa vida. O nosso processo educacional, desde a infância, parece propositalmente nos levar a ESCONDER certas manifestações do que somos (ou estamos) para  podermos ser o que não somos realmente. Nesta certa "farsa" de viver (principalmente a chamada "vida profissional") assumimos um papel, como um ator de novela, que entra no set de gravação com uma fala e expressão ensaiada e grava as cenas, e depois sai para viver a vida de verdade, e vamos para nossas casas, para a vida em sociedade, para as situações do dia a dia que nos pede bem mais do que cenas ensaiadas.


Para muitos de nós parece até que é bem mais fácil viver de cenas do que de vida real, e até confundimos o que são cenas ensaiadas e vida de verdade. A banalização e confusão fica muito presente, e de tantas encenações, nos transformamos em bons atores da vida, no entanto deixamos de ser protagonistas das cenas reais. Omitimos sensações, emoções, sentimentos, visões... em nome de status, conquistas, prazer momentâneo, manipulações alheias (e de si mesmo, é claro).


Quando não somos protagonistas não sentimos, apenas fazemos. Quando não sentimos, não percebemos o que está por trás das máscaras. A máscara aqui é o falso papel que assumimos diante das circunstâncias que nos metemos, por clara vontade, ou de forma alheia, que no fundo tem a mesma responsabilidade.


Uma pessoa que gerencia outras pessoas, ou que influencia, tem como princípio ser protagonista da sua própria vida, e consequentemente de qualquer atividade que esteja como responsável. Ao ser protagonista fica bem difícil omitir seus sentimentos e emoções, e portanto não pode se permitir a ser um ator de cenas ensaiadas. A vida é real, as situações são reais, e principalmente as pessoas vão trazer situações bem reais, para serem respondidas e encaminhadas.

Quando você não é protagonista você não é um exemplo, e não sendo exemplo a sua vida soa como meras coincidências de fatos reais, e você não assume a sua responsabilidade com autoridade, e sem autoridade lhe resta a imposição pura e simplesmente. Imposições têm data de validade.


Ser protagonista requer mostrar-se bem mais do que um ator em um set de gravação, porque agora as cenas são da sua vida real, e tem dias que você não vai estar bem, vai estar impaciente por exemplo, ou vai ter dias que você vai estar bem mais alegre do que o normal, ou vai estar bem nervoso, ou vai estar bem displicente, ou vai estar bem pressionado. Você não tem cartas marcadas que te garantam o que vai sentir no dia seguinte. Imagine que todos os demais seres humanos que convivem contigo também não tem cartas marcadas, certo? Imagine que também você não deve saber como eles estarão amanhã, muito menos agora, certo?


Desenvolver o autoconhecimento é o olhar atento ao que você sente, ao que você é ou estar agora, mesmo que perceber isso seja notar que você nem sabe o que é, mas a verdade é que sente, e isto já é o bastante para gerar um monte de confusões com você mesmo e com os outros.

Não há como liderar nem levar pessoas para um caminho que você mesmo não conhece. O resultado que você vai alcançar, ou como vai chegar, é uma incógnita, e o autoconhecimento através da prática de se olhar e se observar constante te permite entender o que está passando no outro também, e isto já é meio caminho andado para resolver um monte de problemas que normalmente deixamos acontecer por objetividade demasiada.


Saiba mais sobre os atendimentos e programas de desenvolvimento pessoal


#Autoconhecimento

#Liderança

#LiderançaSistêmica

#PoderPessoal



Gratidão!


HILDEBRANDO COUTO SANTOS


ATENDIMENTOS ONLINE E TAMBÉM PRESENCIAL (nas cidades de Porto Alegre/RS, São Leopoldo/RS, Novo Hamburgo/RS, Sapiranga/RS e Araricá/RS)

Me segue lá no Instagram e acompanhe os textos e artigos diários: INSTAGRAM

© 2018 by Hildebrando Couto Stos  - Whats (51) 998 740 030